Portugal, o berço da história e tradição

de Wine em Casa em August 10, 2021
Ora pois, um dos pioneiros na produção de vinhos não poderia ficar de fora deste site que vos fala! A história começa há muito, muito tempo atrás do século II a.c quando surgem os primeiros registros na região do Rio Tejo, onde ocorreram os primeiros cultivos de vinhedos e já nessa época o vinho português tinto se destacava entre os demais pela sua qualidade. Séculos se passaram e Portugal aprimorou suas técnicas e expandiu seus vinhedos pelo país, principalmente por conta da igreja católica que utilizava os vinhos em rituais da eucaristia. Portugal se destacou no cenário nacional e internacional pela variedade de suas castas, muito conhecidas ao redor do mundo, hoje se totaliza aproximadamente em  250 tipos de variedades de uvas em seus vinhedos, produzindo assim os melhores vinhos portugueses e internacionalmente ovacionados pelos amantes de um bom vinho. A partir dessa variedade surgiram rótulos que elevaram o nível dos vinhos portugueses, principalmente os de mesa, que são muito conhecidos. Entre os melhores está o vinho português tinto seco, conhecido pela sua tradicionalidade e por ser um dos principais produtos de exportação do país, atraindo milhares de turistas ao longo dos anos. O famoso vinho verde (que não é verde) leva esse nome em homenagem à região de Douro e Minho, que possuem uma paisagem muito bonita e verdejante. Vale também o destaque do vinho português cartuxa, que você pode encontrar aqui em nosso site. A vinícola que tem história e muita tradição está entre as melhores do país, com fama reconhecida e aclamada internacionalmente. Seja um vinho do Porto, um vinho da casta Touriga Nacional ou Castelão, Portugal sempre produz vinhos lendários e que com o passar do tempo sobrevivem com suas raízes e tradições intactas. Desde um vinho mais clássico até um vinho português bom e barato, é indiscutível que Portugal sabe o significado da combinação tradição e sucesso, que gera um resultado que permanece por gerações e que desperta sensações únicas, que somente a “terrinha” pode proporcionar.